Passar para o Conteúdo Principal

Parque Severi recebe o "Hino ao Vouga"

Parque Severi recebe o "Hino ao Vouga"
10 Julho 2021

 

No âmbito do projeto intermunicipal de programação cultural em rede "3 Territórios, 1 Rio que nos une", está agendado para o próximo dia 17 de julho, no Parque Severi, em Sever do Vouga, o espetáculo “Hino ao Vouga”, que será um dos muitos motivos para visitar o concelho severense.

Recorde-se que este projeto se sustenta num fio condutor, o Rio Vouga, sendo alguns dos espetáculos realizados em Sever do Vouga, em espaços envolventes ao Rio Vouga, ou na Pateira de Fermentelos, tendo os três municípios da Rede (Águeda, Albergaria-a-Velha e Sever do Vouga) lançado o repto às instituições locais para a produção de espetáculos.

No dia 17 de julho, a agenda cultural está programada da seguinte forma:

17 horas: Sabores e Saberes do Rio – Provas gastronómicas/Petiscos com as Associações locais de proteção do ambiente

18 horas: Inauguração da Escultura “A Bateira e o Barqueiro”, no Miradouro da Ponte de Poço de S. Tiago

22 horas: Hino ao Vouga - "Nascer de 1 Rio" – Espetáculo Musical com a Filarmónica Severense e a Banda União Musical Pessegueirense

23.30 horas: Lenda do Rio - Artes circenses com a Companhia Malatitsch

23.55 horas: Espetáculo de luz, cor, magia (LCM/pirotecnia e drones) UNPARTY

Para o presidente da Câmara Municipal de Sever do Vouga, António Coutinho, este é “mais um passo que damos neste projeto que estamos a desenvolver com Águeda e Albergaria-a-Velha,que motiva uma cultura em rede e ajuda o setor cultural que tantas dificuldades tem sentido desde o início da pandemia”.

O autarca apelou aos severenses alguma compreensão pelo fato de haver lugares limitados, “porque estamos a seguir as normas impostas pela DGS, pelo que os interessados em ver o espetáculo devem adquirir o seu bilhete o mais rapidamente possível”.

António Coutinho convidou ainda os severenses a visitar a escultura que vai ser inaugurada no dia 17 de julho, pelas 18 horas, uma vez que ela representa a história da bateira e do barqueiro que percorria o rio Vouga desde a ria de Aveiro até às margens de Sever do Vouga. “É uma escultura lindíssima, que está situada num local único de contato com a natureza e a ponte do Poço de Santiago, que origina belas fotografias”, finalizou o presidente da Edilidade.

Os espetáculos são gratuitos e realizados de acordo com as normas de segurança em vigor, sendo que a lotação é limitada. Os bilhetes devem ser adquiridos na plataforma www.eventcontrol.pt/cmsever  ou nos seguintes locais: Posto de Turismo de Sever do Vouga, Biblioteca Municipal, Museu Municipal e Serviço de Atendimento do Município de Sever do Vouga.

Refira-se que esta ligação cultural em rede entre os três municípios tem a duração de 12 meses e implica um investimento de 297.900 euros, totalmente suportados por fundos comunitários, através do Fundos FEDER, no âmbito do Programa Operacional Regional do Centro.

 

CARTAZ-scaled