Passar para o Conteúdo Principal

Projeto ERASMUS+: Os trabalhos continuam

Erasmus 2 1 1024 2500
Erasmus 1 1 1024 2500
26 Novembro 2019

No âmbito do programa Erasmus +, os parceiros do Projeto intitulado “From birth to adult age – a WBL successful Practice!”, reuniram pela 4ª vez no final de outubro, em Bilbao, Espanha (1ª imagem).

Subordinado ao tema de desenvolvimento do currículo por competências adquiridas em empresas, este projeto pretende colmatar a distância entre a formação profissional e as necessidades reais das entidades. Simultaneamente, visa a validação dos resultados de aprendizagem e dos currículos desenvolvidos numa plataforma digital, de forma a facilitar a transparência e a certificação da formação realizada. É utilizada a metodologia de gestão de projetos, promovendo um modelo de ensino-aprendizagem estimulante, inovador e eficaz.

Encontram-se envolvidas empresas de Portugal, Espanha e Itália, das áreas da metalurgia, mecânica, mecatrónica e manutenção industrial. Irá promover-se a capacitação de alunos, professores, formadores e tutores profissionais. Pretende-se, assim, melhorar o processo de formação em contexto de trabalho para todos os envolvidos, facilitando, simultaneamente, a gestão de todos os procedimentos, que vão desde a gestão comportamental até à validação das competências.

Os alunos, grupo alvo deste projeto, têm a oportunidade de realizar estágios a nível nacional e internacional, nas várias empresas selecionadas. Podem testar os novos currículos e por em prática outras competências transversais, como a comunicação em língua estrangeira, o trabalho em equipa, a iniciativa, a resolução de problemas, o cumprimento de prazos, entre muitas outras.

No entendimento do presidente da Autarquia, António Coutinho, “este é um projeto acarinhado pelo Município pela capacidade agregadora de todos os parceiros a nível internacional, cujo objetivo é estruturar informação sobre novos currículos em “aprendizagens essenciais”, assentes em áreas e competências identificadas no perfil dos alunos à saída da escola”.

Nesta reunião avaliou-se os trabalhos até ao momento desenvolvidos e no período da tarde pôde ser testada a plataforma, tendo envolvido professores e tutores profissionais dos países parceiros, no contexto de um workshop que decorreu no período da tarde.

Definiram-se estágios dos alunos entre os três países parceiros, tendo ficado determinado que a empresa A. Silva Matos SA irá acolher um grupo de 5 alunos e professor italianos, em abril de 2020. A planificação do trabalho a desenvolver por este grupo vai ser trabalhada em conjunto por esta empresa, pela AEVA-EPA e pela escola italiana.

Para além disso, atribuíram-se responsabilidades a todos os parceiros relativamente ao Plano de Disseminação dos resultados do projeto e determinou-se o formato dos eventos a realizar nos três países. Em Portugal, o Multiplier Event da responsabilidade do Município de Sever do Vouga. Será realizado a 26 de junho de 2020, no âmbito da Feira Nacional do Mirtilo, …contando com presenças fulcrais neste processo de disseminação do projeto, tais como empresas, escolas e imprensa regional e nacional.

Os trabalhos de avaliação e concertação entre parceiros terão continuidade em janeiro de 2020, em Pesaro, Itália.

 

 

Erasmus_1

No dia 31 de outubro, foi feito o acolhimento dos 5 jovens na empresa A. Silva Matos, representando esta experiência o primeiro contacto com o mundo do trabalho (2ª imagem). Os alunos de Ovar, Pampilhosa do Botão, Cantanhede, Estarreja e Vagos irão estagiar até 20 de dezembro na empresa, testando a plataforma criada.