Passar para o Conteúdo Principal

Festival de cinema traz os cinco continentes para Sever do Vouga

Co 322019   festival paisagens 1 1024 2500
30 Maio 2019

O Município de Sever do Vouga organiza, entre os dias 30 de maio e 2 de junho, o Festival Internacional de Cinema Paisagens que, nesta terceira edição, traz uma seleção de 54 filmes que serão exibidos gratuitamente nos equipamentos culturais do concelho. No dia 31 de maio, o festival homenageia, a título póstumo, a apresentadora Helena Ramos, um dos rostos mais conhecidos da RTP.

Para o presidente da Câmara Municipal de Sever do Vouga, “o Paisagens é cada vez mais uma marca de Sever do Vouga que promove a Sétima Arte nos diferentes equipamentos culturais do concelho, contribuindo para a divulgação do território além-fronteiras”. Recorde-se que o festival, que “procura intervenções cinematográficas notáveis em paisagens humanas e geográficas de todo o mundo”, como explicou António Costa Valente, do Cineclube de Avanca e da organização, recebe jurados e profissionais do cinema de vários países. Durante quatro dias, a Biblioteca, o Museu e o Centro das Artes vão exibir 54 filmes de uma seleção de 1.857 que concorreram este ano, provenientes de 28 países. O filme “A Luz vem do Alto”, de Henrique Campos, rodado em Sever do Vouga, em 1959, será exibido ao ar livre, no Museu Municipal, na noite de 1 de junho.

O ponto alto decorre na noite de 31 de maio, no Centro das Artes, com a homenagem póstuma a Helena Ramos, uma filha de Sever do Vouga, cuja voz, como explica a organização, “sempre se destacou pela dicção e pelo cuidado que colocava nas palavras, de forma empenhada nos valores da língua e da cultura portuguesa”. Serão ainda entregues os prémios da edição anterior.

Esta terceira edição, em que todos os continentes estão representados, conta pela primeira vez com a participação de países como Albânia, Austrália, Indonésia e Nigéria que se juntam a Alemanha, Argentina, Bélgica, Bósnia e Herzegovina, Brasil, China, Espanha, EUA, França, Guiné-Bissau, Índia, Irão, Itália, Lituânia, Paquistão, Polónia, Porto Rico, Quirguistão, Reino Unido, República Checa, Rússia, Suécia e Turquia. Com dez filmes, Portugal é a cinematografia mais representada, exibindo obras como “Antes que a noite venha – falas de Antígona” de Joaquim Pavão, “California” de Nuno Baltazar, “Marias da Sé” de Filipe Martins ou o documentário “Ultramar” do realizador José Vieira.


O Dia da Criança (1 de junho) será assinalado de forma especial. Na Biblioteca Municipal, as crianças vão poder usufruir de diversas atividades gratuitas. Música ambiente, insufláveis, lanche e animação com jogos fazem parte da programação que integra ainda um workshop gratuito sobre cinema (15h00), a exibição de 14 filmes de animação, maioritariamente vindos de países da Ásia, bem como uma exposição de cartazes do cinema de animação português vocacionado para os mais jovens. Entre eles estarão cartazes históricos da série “Alfredo”, produzida nos estúdios de animação de Avanca e realizada por Sandra Pereira e Margarida Terra, tendo marcado a produção da animação portuguesa para televisão ao ser distribuída em 27 países.


No dia 2 de junho, o festival encerra com a divulgação dos filmes vencedores nas diversas categorias a concurso.

Programa do festival:

30 de maio:
Durante todo o dia – Boas vindas aos participantes nacionais e estrangeiros, no Centro das Artes e do Espetáculo. No final do dia, tertúlia no Mercearia Lounge Bar.

31 de maio:
21h30 – Cerimónia de abertura com homenagem póstuma a Helena Ramos e entrega de prémios aos vencedores da edição de 2018, no Centro das Artes e do Espetáculo. Champanhe de honra no Mercearia Lounge Bar.

01 de junho:
10h00-18h00 – Dia da Criança na Biblioteca Municipal, com diversas atividades.
21h30-00h00 – Mirtilo de honra, tertúlia com cineastas nacionais e internacionais e passagem ao ar livre do filme “A Luz vem do Alto”, no Museu Municipal.

02 de junho:

10h00 – Entrega de certificados de participação, anúncio dos vencedores e encerramento do festival, no Centro das Artes e do Espetáculo.

Durante o festival, os filmes a concurso poderão visualizados na Biblioteca Municipal, Centro das Artes e do Espetáculo e Museu Municipal.