Passar para o Conteúdo Principal

A excentricidade de Erik Satie em concertos comentados para adultos e crianças

Co 212019   erik satie caesv  2  1 1024 2500
13 Maio 2019

A pianista Joana Gama traz a Sever do Vouga, nos dias 16 e 17 de maio, dois concertos comentados dirigidos ao público adulto e infantil. A memória do pianista e compositor francês Erik Satie (1866-11925) será recordada através das suas obras e também da sua, bastante peculiar, vida.

A introdução de música erudita e clássica é uma das novidades da programação cultural do Centro das Artes e do Espetáculo de Sever do Vouga (CAESV). “Iniciamos esta aposta, em março, com os concertos de Primavera e, este mês, vamos apresentar um concerto de piano comentado para o público infantil e outro para o público adulto. Queremos criar e formar público para este género musical, alargando assim a nossa oferta cultural”, explica Brígida Alves, programadora cultural do CAESV.

No dia 17 de maio, pelas 21h30, a pianista bracarense apresenta o recital comentado “I Love Satie”, em que intercala a obra multifacetada de Erik Satie com a de compositores que o seguiram na exploração do som sem constrangimentos estéticos ou formais. Durante o concerto, as obras de Satie convivem com as de Marco Franco, Federico Mompou, Morton Feldman, John Cage e Vítor Rua, num delicado jogo de afinidades. O valor da entrada é de 5 euros.

“Eu gosto muito do Senhor Satie” é a proposta para o dia 16 de maio, em que os alunos e professores do 1.º ciclo vão, através do piano e das histórias, descobrir que além de compositor, Erik Satie foi uma das figuras mais excêntricas da história da música. O piano foi sempre o seu instrumento de eleição, mas o que pouca gente sabe é que ele gostava muito de guarda-chuvas, de desenhar e de marisco. Era uma pessoa solitária, mas com um grande sentido de humor.